Contato Mapa do Site
Vidro Laminado

 

Segurança e proteção em vidros planos ou curvos

 

  O Vidro Laminado atende às exigências mais especiais de segurança e proteção, com controle solar, bloqueio da   radiação ultravioleta e variedade de cores.


  É constituído por duas ou mais lâminas de vidro fortemente unidas através de calor e pressão a   uma ou mais películas de Polivinil Butiral (PVB), garantindo que na quebra a película não se rompa e   que os fragmentos gerados mantenham-se aderidos ao PVB, não devassando o vão, reduzindo   drasticamente o risco de acidentes e evitando que o ambiente fique exposto ao tempo.
  Os Vidros Laminados são fabricados nas seguintes opções:

  Simples: duas lâminas de vidro intercaladas por uma ou mais películas de PVB.

  Múltiplo: três ou mais lâminas de vidro intercaladas por duas ou mais películas de PVB.

  Curvo: vidro laminado simples com curvaturas em raios pré-definidos.

  Fatores de desempenho



  Segurança: A garantia de segurança pode ser obtida através dos vidros laminados simples. No caso de impactos de   objetos grandes ou de pessoas, o vidro laminado permanece indevassável.
  Esse é o tipo de envidraçamento ideal para telhados, sacadas, fachadas de edifícios, pisos e   qualquer local onde o risco de acidentes por quebra do vidro pode ser crítico.

  Proteção: O laminado múltiplo representa a solução para locais onde proteção pessoal ou   patrimonial é indispensável.
  É indicado para proteger as instalações contra ações intencionais de quebra ou perfuração do vidro   como, por exemplo, projéteis de armas de fogo, granadas, marretas e machados. Ideal para   guaritas, bancos, vitrinas, etc.

  Resistência a Altas Pressões d'água: Laminados múltiplos com composições especiais são indicados para   aplicações em visores de piscinas e aquários.

  Controle Solar: Quando combinados vidros metalizados de diferentes performances e alternativas de vidros   coloridos, têm-se excelentes resultados de controle solar como transmissão e reflexão luminosa e de calor.

 Controle Sonoro: Os vidros laminados têm a propriedade de amortecer freqüências sonoras permitindo isolamento  acústico.

 Variedade de Cores: As possíveis combinações dos elementos que compõem o vidro laminado definem uma   infinidade de cores, atendendo às necessidades de variações dos projetos arquitetônicos.

 Bloqueio da Radiação Ultravioleta: O principal elemento responsável pelo desbotamento, envelhecimento e  ressecamento dos materiais é a radiação ultravioleta (UV - radiação abaixo de 380 nm). O Vidro Laminado filtra 99,6%  dessa radiação, inclusive o vidro incolor.
 Essa propriedade do vidro não interfere no crescimento das plantas.

  Vantagens

 • Variedade de aplicações.
 • Ampla possibilidade de cores.
 • Aplicações para segurança em construções.
 • Aplicações para proteção patrimonial ou de indivíduos.
 • Bloqueio da radiação ultravioleta.
 • Não devassamento do vão.

 O vidro laminado atende às exigências mais específicas de segurança, controle sonoro, controle de calor e de radiação  ultravioleta.

 É constituído por uma ou mais lâminas de vidro, fortemente ligadas através de calor e pressão, a uma ou mais  películas de Polivinil Butiral (PVB), de forma que, quando quebradas, mantém os estilhaços aderidos à película, não  devassando o vão e reduzindo drasticamente as chances de acidentes.

 Graças às combinações dos elementos que o compões, o vidro laminado é encontrado em tantas quantas forem às  cores da sua imaginação.

 O processo de fabricação consiste em se promover a forte adesão das lâminas de vidro ao PVB, através de calor.

 

  NORMAS TÉCNICAS

 A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) normaliza, ou seja, fixa parâmetros com os quais é possível  orientar e regulamentar as condições exigíveis para o vidro plano, o manuseio, a aplicação em projetos, instalações,  termos, etc., de forma a garantir a integridade do produto e dos projetos e, conseqüentemente, as relações entre  usuários e fabricantes.
 Deste modo, relacionamos abaixo as normas brasileiras da ABNT que se referem ao vidro especificamente:

 NBR 7210 (TB - 88) de maio de 1988 - Define-se os termos aplicáveis a produtos de vidro em chapa e acessórios  usados na construção civil.

 NBR 7199 (NB - 226) de julho de 1988 - Fixa as condições que devem ser obedecidas no projeto, na execução e na  aplicação de vidros na construção civil.

 NBR 6123 (NB - 599) de dezembro de 1987 - Fixa as condições exigíveis na consideração das forças devidas à ação  estática e dinâmica do vento, para efeitos de cálculos de edificações.

 NBR 11706 de abril de 1992 - Fixa as condições exigíveis para vidros planos aplicados na construção civil.

 Para a aquisição das referidas normas, ligue para o nosso telefone (061) 344-9283